top of page
Buscar
  • Foto do escritorForcafé

Nespresso debate agricultura regenerativa e sustentabilidade em 7ª edição do HackTown


Na última sexta-feira (16), a Nespresso participou da 7ª edição do HackTown, festival de inovação, tecnologia e criatividade, que aconteceu entre 15 e 18 de setembro, em Santa Rita do Sapucaí (MG). Representada pelo executivo Guilherme Amado, a empresa debateu questões climáticas, agricultura regenerativa e práticas sustentáveis na produção do café.

“A Agricultura Regenerativa surge como uma resposta direta à revolução verde e ao alto índice do uso de insumos, dentro de um cenário de mudanças climáticas preocupante. Debater o assunto em um evento tão plural é importantíssimo, afinal, a discussão é urgente. Nossas práticas sustentáveis são reconhecidas mundialmente e, por isso, precisamos disseminá-las e demonstrar como fazemos isso” afirma Guilherme Amado, Líder do Programa AAA de Qualidade Sustentável na Nespresso no Brasil e no Havaí.

Na ocasião, o executivo apresentou o cenário da empresa, onde 100% das fazendas fornecedoras de café, no Brasil, fazem parte do Programa Nespresso AAA de Qualidade Sustentável. Desenvolvido em 2003 em parceria com a Rainforest Alliance, o projeto visa garantir suporte aos produtores, agregar conhecimentos e técnicas que os apoiem na produção de um café de alta qualidade, valorizando as práticas sustentáveis e contribuindo para sua qualidade de vida.

Atualmente, mais de 110 mil fazendas parceiras em 17 países participam e são auxiliadas por mais de 450 agrônomos, que ajudam a cultivar o café de forma ambiental, social e economicamente sustentável. No Brasil, as 1.300 fazendas que fornecem café para a Nespresso fazem parte e atendem as demandas de sustentabilidade do Programa AAA.



Fonte: Café Point

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page