Buscar
  • Forcafé

Cooabriel recebe primeiros cafés da safra 2021/2022



A cooperativa Cooabriel busca melhorias no processo de armazenagem e transporte dos cafés dos produtores, como serviços de entrega e adequação ao sistema de granelização. Com ele, o produtor vem deixando de enviar café de saca em saca no modelo tradicional e passando a enviar a granel para armazenagem.


“Já registramos uma alta de 30% no volume de entregas com a granelização e esperamos uma alta de 50%. Os produtores já perceberam as vantagens dessa modalidade”, explica o gerente de armazéns da Cooabriel, José Carlos de Azevedo.


A entrega a granel ou em bags gera uma grande economia em mão de obra, tempo e dinheiro. Entre as vantagens, estão a diminuição da mão de obra paga pelo produtor e a melhoria da logística.


A expectativa desta safra, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), é de uma produção total de café em todo o País, somados canéfora (conilon) e arábica, entre 43,8 milhões e 49,5 milhões de sacas, indicando uma redução entre 30,5% e 21,4% em comparação ao resultado apresentado na safra passada.

“Pela minha avaliação, a safra de 2021 se equipara a de 2019, fazendo uma reposição à quebra de 2020. Até o momento, recebemos um pequeno volume, o que é um bom sinal de que os produtores estão respeitando o momento de cada clone”, explicou o presidente da Cooabriel, Luiz Carlos Bastianello.


Segundo o coordenador técnico da Cooabriel, Perseu Fernando Perdoná, uma característica desta safra foi a falta de uniformidade da floração, o que trouxe uma irregularidade no grau de maturação de um modo geral. “Mesmo assim, o rendimento do café está de acordo com o esperado. Outra característica deste ano é a dificuldade para encontrar mão de obra, que também está mais cara”, informou.


O sócio da Cooabriel, Humberto Damasceno, de São Gabriel da Palha (ES), inicia a colheita nos próximos dias e espera alcançar mil sacas, uma quantidade bem parecida com a safra anterior. “Procurei seguir todas as orientações técnicas da Cooabriel e meu resultado está dentro do esperado”, finalizou.


Pandemia de Covid-19


A orientação é de que os produtores entreguem os cafés nos armazéns com todas as recomendações de segurança, como o uso de máscaras, álcool em gel e sem levar acompanhantes.


Fonte: Café Point.


5 visualizações0 comentário